<img height="1" width="1" alt="" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?ev=6018235932715&cd[value]=1.00&cd[currency]=BRL&noscript=1" />

Inteligência Emocional é um tópico indispensável quando se fala em trabalho, uma vez que ela impacta diretamente nos resultados tanto individuais, como coletivos. Mas você sabe exatamente o que esse termo significa e qual a sua importância? Conheça mais sobre o assunto e aprenda como desenvolver Inteligência Emocional no trabalho.

O que é inteligência emocional?

De forma breve, Inteligência Emocional é a capacidade de administrar suas próprias emoções e utilizá-las a seu favor, além de compreender as emoções das outras pessoas, construindo relações saudáveis e fazendo escolhas conscientes.

A IE ensina como lidar com as emoções humanas e analisar de que maneira cada uma delas se manifesta em cada pessoa, fazendo com que, ao utilizar as informações emocionais de maneira efetiva e com significado, o indivíduo consiga lidar com desafios, desenvolver e manter relações sociais de forma eficaz.

E qual a importância da Inteligência Emocional no trabalho?

Quando a Inteligência Emocional dos colaboradores é desenvolvida, o ambiente de trabalho se torna mais saudável e produtivo, fazendo com que as pessoas foquem sua atenção naquilo que importa de fato ao invés de gastar tempo e energia assuntos e questões irrelevantes, aumentando também os níveis de satisfação profissional e pessoal.

Assim como toda ação gera uma reação, toda ideia resulta em uma emoção, ainda que nem sempre as pessoas tomem consciência disso. Uma discussão durante uma reunião ou qualquer outro conflito pode fazer com que as pessoas envolvidas acabem remoendo os sentimentos, que podem se transformar em raiva, tornando o ambiente de trabalho pesado e improdutivo. Ao implantar a cultura de gestão de emoções no ambiente de trabalho, os colaboradores são estimulados a não entrar em dramas e conflitos, o que torna o ambiente mais agradável e as pessoas mais eficientes, além de, como consequência, as empresas e organizações poderem aumentar seus lucros e otimizar a produção.

Os benefícios da Inteligência Emocional no trabalho

A Inteligência Emocional é a base para o desenvolvimento da maior parte das habilidades interpessoais exigidas para ter sucesso no mercado de trabalho, por isso, é muito importante aprender a gerenciar suas emoções e saber compreender as emoções das pessoas ao seu redor.

Em geral, o ambiente de trabalho é um espaço plural, frequentado por pessoas com diferentes pensamentos e valores, o que é positivo e muito rico em termos de criatividade e inovação. O problema é que essa pluralidade e as diferenças também podem gerar conflitos, então, é fundamental ter um líder consciente de suas competências emocionais para gerenciar equipes diversas e auxiliar os colaboradores a desenvolver a IE, de forma a minimizar conflitos e melhorar o convívio de todos.

Quando o líder se dedica a estudar e aumentar sua própria Inteligência Emocional, ele amplia sua influência ao gerenciar pessoas distintas e ganha mais confiança e respeito de sua equipe, conseguindo equilibrar e complementar de forma mais eficiente talentos e potenciais.

Como desenvolver a Inteligência Emocional no trabalho?

  • Se conheça
    O autoconhecimento é o primeiro passo para desenvolver a Inteligência Emocional.
    Acredite em si próprio para vencer os desafios do dia a dia, peça feedbacks relativos não apenas ao seu trabalho, mas também sobre seus pontos positivos e negativos para se tornar uma pessoa e profissional cada vez melhor e avalie suas atitudes diárias.
  • Tenha empatia
    Tão importante quanto entender suas emoções e sentimentos é ser capaz de se colocar no lugar dos outros sempre, especialmente antes de fazer qualquer julgamento sobre seus colegas de trabalho e colaboradores. Olhar para o outro com empatia diminui conflitos e aumenta a tolerância.
  • Lide com a pressão e emoções negativas
  • Estresse e pressão são inevitáveis na vida profissional, por isso é imprescindível saber como lidar com essas situações de maneira saudável. Fique atento aos sinais que seu corpo dá quando você está sobrecarregado e saiba que existem bons e maus momentos, assim você não se deixa abalar por emoções negativas tão facilmente.
  • Não tenha medo de se expressar
    Controlar as emoções não é a mesma coisa que repreendê-las, e expressar o que você sente é essencial. Quanto mais você segura os sentimentos dentro de si, maior será o estrago quando eles vierem à tona. Pense antes de agir e tente encontrar palavras para transmitir o que você sente, sempre tomando cuidado para não prejudicar ou machucar outras pessoas. Esse comportamento gera um clima de cooperatividade e integração.
  • Domine suas emoções
    Não deixe que os sentimentos te dominem e evite tomar decisões impulsivas para não se arrepender depois. Sempre que precisar tomar um decisão importante, procure fazê-lo de cabeça fria, por isso, procure sempre se acalmar e pensar bem antes de agir. Uma boa forma de conseguir preservar a calma é adquirir o hábito de meditar.